quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Correção de exercícios - A Linguagem do Texto - página 19

Pessoal,

Conforme combinamos , aí está a correção para que retifiquem as respostas, se necessário, no caderno.
Bjs., bom carnaval e até quinta-feira!

Correção  -  A linguagem do texto – página 19

1)
   a) O pronome VOCÊ  refere-se ao pai do protagonista.   Veja : “ Mas não chore , papai”  .
   b)    Os verbos destacados na frase referem-se ao protagonista e ao seu irmão mais novo, Mariozinho. Passagens:  “ Mariozinho e eu sesteávamos também...”   e “ Eu me prometia viajar de verdade e  (...) levar meu irmãozinho ...”

2)    
a)COMO MARCAS DO GÊNERO CARTA temos : uso frequente do pronome você , que mostra   que há uma conversa entre o narrador e seu pai ao longo  do texto.
b) O texto é um conto pois É FICCIONAL e tem as seguintes características  :
- NARRATIVA DE UM ÚNICO CONFLITO ;
- POUCAS PERSONAGENS;
- ESPAÇO E TEMPO RESTRITOS.

3)     Dizer que os automóveis  pareciam sestear dá a entender que O CALOR ERA TÃO INTENSO     E QUE ATÉ OS SERES  NÃO VIVOS  TINHAM    DE DESCANSAR À SOMBRA  ;  ao USAR A EXPRESSÃO NENHUM VIVENTE , o narrador   reforça a sensação de calor . Ao dizer que havia FOGO  DAS CALÇADAS   ( e não simplesmente o calor  ou  o abafamento das calçadas).
4) 
   a) O narrador se preocupa com o fato de o  irmão ter , como tantos outros  habitantes da cidade, uma 
vida triste  e sem graça ,  preso num lugar sem atrativos e perspectivas (cidade morta).
b)  Porque na sua visão esse  animal levava  uma vida   triste    e , puxando a carroça pelas ruas pacatas da cidade.

5)
a) Para reforçar a ideia de distância do rio    em relação à sua casa.
b)  “ Para alcançá-lo  era preciso atravessar a cidade , o subúrbio e um descampado  de perigosa solidão.”

6)“ Rubro e com as mãos crispadas.”

7) O Paraíso  seria o rio e a  aventura  , a liberdade o prazer  de nadar , as fantasias de viagens do menino.  O Inferno seria o que aconteceria  depois da ida ao rio : a bronca , a raivado pai, as consequências da desobediência.



Nenhum comentário: